Maní (5)

Share Button

Combinamos um almoço num lugar ótimo, o Maní. Tratava-se de retorno para um e novidade para outro.

Maní_05_01 Maní_05_02 Maní_05_03 Maní_05_04 Maní_05_05 Maní_05_06Maní_05_07

Desta vez, sem couvert e sem belisquetes, fomos direto para as entradas: o perfeito  Ovo do Maní (renomeado) cozido a 63 graus por 1:30h acompanhado por espuma de pupunha e a belíssima

Maní_05_08Maní_05_09

e saborosa releitura da Salada Waldorf (gelatina de maça com sorbet de aipo, nozes caramelizadas e emulsão de gorgonzola).

Maní_05_10IMG_0568

Pratos principais: fui novamente com a saborosa Paleta de Cordeiro Cozida a Baixa Temperatura com tubérculos assados e farofa de castanha do Pará,

Maní_05_17 Maní_05_18 Maní_05_22

enquanto o outro prato escolhido foi o (muito bom, segundo me foi dito) Peixe do Dia (acho que robalo)  a Baixa Temperatura no Tucupi com banana da terra e migalhas do Maní.

Maní_05_14 Maní_05_15Maní_05_23

Finalmente rumamos para as sobremesas. Ambas lindas, ambas leves e gostosas. Uma foi uma antiga conhecida,  o delicado Mil Folhas “Dominó” com sorvete de framboesa e decorada com flores comestíveis.

Maní_05_26 IMG_0569Maní_05_29

A outra foi a etérea Panacota de Coco com pérolas de abacaxi, sorvete de chocolate branco ao rum e consome de abacaxi e capim santo.

Maní_05_24 Maní_05_25

Cafezinho, e, para minha alegria, não era a minha vez de pagar. Saio triplamente feliz!!!

Maní_05_30

Share Button

Post navigation

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *